17 Novembro 2016

Depoimento Leandro Falcão: Quando o sonho de estudar fora finalmente virou realidade

tempo de leitura: 3 minutos, 51 segundos
Marlene Coimbra

depoimento aluno melbourne família austrália intercâmbio superstudent consultoria educacional visto para a austrália visto negado intercâmbio com criança

Mesmo se você é casado e já tem filhos, o sonho de viver no exterior continua a seu alcance - você só precisa de uma agência que saiba lhe dar o suporte necessário.

Este é o primeiro post de uma série de depoimentos que você vai acompanhar aqui no Blog da Superstudent sobre a experiência dos nossos alunos com a mudança de país e adaptação à uma nova vida aqui na Austrália.

No post de hoje, você vai conhecer a história do Leandro, que veio morar em Melbourne com a esposa e seu filho de 3 anos e fazer um Mestrado em Gestão de Projetos. Ele chegou dia 10 de novembro de 2016 e já está adorando as novas experiências na terra dos cangurus. Acompanhe a entrevista que fizemos com ele:

Por que e quando você tomou a decisão de estudar em outro país?
R: Tomei a decisão de estudar em outro país no início de 2013. Senti um grande desejo de conhecer um novo lugar que a língua fosse a inglesa. Tinha acabado de me graduar em Redes de Computadores e desejava fazer uma pós-graduação. A maioria das pessoas faz seus cursos de pós no Brasil, então eu queria me destacar de alguma forma.

E por que vocês escolheram a Austrália?
R: A princípio planejei ir para o Canadá, mas tive dificuldades com visto negado por duas vezes. Nessa época, a sobrinha da minha esposa conseguiu visto para a Austrália e nos disse que, após bastante pesquisa, percebeu que a Austrália tem muito mais oportunidades de trabalho, além de ser linda e o clima ser mais parecido com o do Brasil, (sem as nevascas do Canadá). A partir daí, decidimos mudar de rumo e vir para a Austrália.

Como foi o processo de aplicação de visto desde o começo até o dia em que ele foi aprovado?
R: Preparamos toda a documentação. O Felipe conseguiu que eu fosse aceito pela Torrens University e então, assim que saiu o COE, aplicamos para o visto. Devido às muitas mudanças que o consulado teve na época, a primeira resposta que tivemos foi que nosso visto tinha sido negado. Foi um grande choque, pois tínhamos certeza de que as coisas dariam certo. Logo, conversando com o Felipe, ele nos informou que o problema não era o meu perfil e sim questões da imigração australiana devido às mudanças. Após um mês e 10 dias, recebemos outro e-mail do consulado dizendo que estavam reconsiderando nossa aplicação e que deveríamos mandar documentos adicionais. Mal terminamos de enviar os documentos e já recebemos a tão sonhada notícia do visto aprovado.

Em que aspectos a Superstudent foi importante durante o processo de decisão, visto e mudança para a Austrália?
R: Desde o início, tivemos um excelente suporte da Superstudent. O Felipe sempre foi atencioso, respondeu todas as dúvidas o mais rápido possível e sempre correu atrás de todas as coisas como Universidade, COEs e moradia.

Você destacaria algum ponto diferencial na consultoria recebida?
R: Sempre fui muito bem atendido pelo Felipe. Ele é um expert, um excelente profissional que sabe o que faz, sempre com muita vontade e dedicação. Se estou aqui hoje, devo isso a ele.

Como foi para a sua família passar por essa fase de transição, planejamento e começo de uma nova vida em um país desconhecido?
R: Mudar de país é uma experiência incrível. Muita expectativa, dedicação, vontade e principalmente persistência. Mas o resultado é muito recompensador e a sensação de objetivo cumprido é inexplicável.

Quais foram suas primeiras impressões da Austrália e, particularmente, de Melbourne?
R: Até agora só tivemos experiências boas na Austrália. Povo extremamente educado, a qualidade de vida é ótima e todos os serviços públicos funcionam de verdade. Além de que Melbourne é uma cidade linda e multicultural. Sempre fomos bem tratados e bem recebidos pelo povo local.

Você recomendaria a Superstudent para outras famílias que pretendem morar e estudar na Austrália?
R: Definitivamente recomendo a Superstudent tanto para quem vai sozinho, quanto para famílias que pretendem estudar na Austrália. Eu passei por outra agência e tive muitos problemas, mas felizmente, a solução dos meus planos chegou quando eu encontrei a Superstudent.

Leandro Falcão - 17/11/2016

Comentários